Tecnologia e o mundo! - Cá Entre Nós

Tecnologia e o mundo!

Oláá! Sim estou aqui, a dona do blog que esporadicamente escreve e espera que alguém leia, oi? Como assim? rsrsrsrsrsrsrsr

Pois é gente, como eu ainda preciso trabalhar e cuidar de casa, filho e marido, quase nunca sobra tempo para escrever aqui, o que eu realmente sinto muita falta, mas muita mesmo.
O que me levou a voltar aqui, foi que outro dia o meu filho precisou fazer um dever para a escola, onde ele precisava levar fotos de quando era bebê. Ele levou? Não, mas como assim, você não tem fotos do seu filho?

Sim tenho, onde?
É aí que entra essa tal tecnologia, agora eu vou voltar um pouco no tempo, mais ou menos uns 34 anos atrás.

1983, alguém aí nasceu nessa época? Pois é, eu nasci e acreditem, eu tenho muitas fotos dessa minha fase e sabe porque? Graças a um aparelho chamado máquina fotográfica onde se colocava um rolinho e ficava num compartimento escuro, pois se pegasse qualquer feixo de luz, a foto queimava. Esse rolinho tem nome de filme fotográfico e após a revelação das fotos se tornava o negativo.

Siiimm, era preciso gastar o filme todo para ver se as fotos ficaram boas, legal né?
Outra coisa interessante dessa época eram as fraldas, siiimm, eram de pano e por cima ainda iam as famosas calça plástica, fralda descartável era só pra passear. Meus pais eram felizes? Sim, não se tinha a necessidade de expor momento algum da vida, sobrando tempo para o que mais importa na vida, viver.

Em 1985, veio a minha irmã. Duas crianças juntas naquela época precisavam ser muito criativas. Por que?
Bem, não tinha internet, vídeogame, rede social, telefone celular e tampouco smartphone.
Nós brincávamos na rua, sujando os pés e a mãos com terra, nossa casa não tinha muro, nossa rua não era calçada, nossa TV de ultima geração era tubo de imagem colorida, nosso aparelho de som era com disco de vinil e fita cassete.
Tudo isso era muito legal e ninguém parava pra pensar "e se eu tivesse isso? e fosse daquele jeito? eu preciso daquilo?"




As vezes eu sinto falta disso. Mas a vida do ser humano é a evolução e tudo na vida acontece para melhorar, veio o telefone residencial, depois o telefone celular, a internet, o computador, o notebook...e tudo aquilo já conhecemos hoje.

Brincar na rua, ficou cada vez mais raro, minha casa hoje tem muro, grades nas janelas, minha rua é calçada, tenho internet, notebook, vídeogame, smartphone e rede social.
Pois é, a evolução vai chegando e se não acompanharmos ficamos para trás no tempo e é preciso viver o  presente sabendo lidar com tanta tecnologia a nossa volta.





Ao invés de guardar fotos em hd's, continuar revelando, visto que o processo ficou mais prático, continuar usando a chamada telefônica com os novos recursos, acessar rede social para saber como as pessoas estão? Não, converse com elas.

Não podemos trocar pessoas e relacionamentos, por rede social, isso é muito solitário. Se for dar feliz aniversário, valorize o abraço e o olhar, não uma postagem. Vai fazer uma festa, faça fotos para guardar momentos inesquecíveis e não para postar.
A vida nada mais é que os melhores momentos que se tem, isso é felicidade, a essência do ser humano que foi ficando pra trás com toda essa invasão tecnológica, que é maravilhosa para a medicina, por exemplo.

Se o meu filho levou a foto? Não, pois tinha que imprimir muitas fotos, o álbum dele é digital e não revelado, como o meu e o da minha irmã. Ele levou as roupinhas que eu guardei de quando ele era bebê.

Tecnologia é muito bom, desde que usada com consciência e de forma coerente com o momento em que se vive.

Beijos e até um próximo post. 

0 comentários :

Postar um comentário

Olá, obrigada por comentar no blog.
Seu comentário será muito bem vindo e vou adorar respondê-lo!!!
Volte sempre!!!